Tamanho do texto
Imprimir página
Print This Page
Envíe la página por email
Email This Page

Estimando Reservatórios Não Convencionais

O que é um reservatório “não convencional”? Ainda que o termo tenha múltiplos significados, de um ponto de vista econômico, recursos não convencionais são aqueles que não podem ser produzidos rentavelmente com métodos convencionais de desenvolvimento e produção. Durante os últimos dez anos, os reservatórios não convencionais têm passado da etapa de 'emergentes' para 'cenário central' no setor de exploração e produção global. E a sísmica torna-se mais custoso para as companhias de gás e petróleo operando em todos os tipos de ambientes não convencionais, desde as áreas de folhelhos da América do Norte, até os arenitos petrolíferos do Canadá, e até as bacias de arenitos gasíferos da Argentina.

Antes que a palavra "folhelho" se tornasse uma palavra-chave na indústria, a ION já ajudava operadoras com terrenos de recursos não convencionais a obterem as informações que necessárias para identificar ótimas locações de poços, projetar programas de fraturamento hidráulico e maximizar produção.

Folhelho

Estudo de Caso de Folhelho

Programa Sísmico com plena onda no Folhelho Niobrara

Caracterização de fraturas otimiza a colocação do poço.

view the case study

Durante a década passada, o gás de folhelho tornou-se uma fonte cada vez mais importante de gás natural nos Estados Unidos e no Canadá, e o interesse está crescendo na Europa, China, Índia, África do Sul, Argentina e Austrália. A atividade de petróleo de folhelo também é um segmento crescente na nossa indústria. Enquanto, historicamente, o desenvolvimento de ambientes foi derivado de avanços em fraturamento hidráulico e perfuração horizontal, as operadoras estão usando cada vez mais sísmica para entender e predizer os acionadores geológicos dos poços produtores para a otimização dos planos de perfuração e para projetar melhor os programas de simulação.

A ION é um líder no imageamento e caracterização dos reservatórios não convencionais.

  • Ampla experiência em processamento do folhelho - Desde 2003, nosso grupo GX Technology tem processado mais de 200 projetos em áreas de folhelhos, entregando mais de 18.000 milhas quadradas de dados sísmicos, praticamente passando por todos as principais áreas de folhelho da América do Norte. 
  • Pioneiros em técnicas para processamento de dados – Movidos pela geologia, empregamos as técnicas mais recentes, incluindo análise de velocidade azimutal (AZIM) de nossa propriedade, bem como o processo offset vector tiling (OVT) e as tecnologias com ondas convertida, e serviços comprovados de caracterização de reservatórios, incluindo análise e interpretação de atributos sísmicos.
  • Programas sísmicos integrados – Nosso grupo GeoVentures proporciona gestão de programas de levantamentos de âmbito completo, desde estudos de viabilidade e desenhos e planejamento de levantamentos, até serviços de aquisição, processamento e interpretação de dados. Oferecemos levantamentos próprios e programas para múltiplos clientes ResSCAN ou BasinSPAN.

Gás de reservatórios pouco permeáveis

As tecnologias de fraturamento hidráulico e tecnologias de simulação de fraturas, junto com um crescimento na demanda pelo gás natural, tem feito as áreas de exploração de gás de reservatórios pouco permeáveis econômicamente viáveis para as companhias de exploração e produção em muitas partes do mundo. A baixa porosidade e baixa permeabilidade dos reservatórios de gás, porém, fazem com que ele seja mais difícil de extrair. Devido à muito baixa permeabilidade dessas rochas, as companhias de exploração e produção procuram perfurar poços em zonas de reservatório com a mais alta intensidade de fraturas. O uso de dados sísmicos pode ajudar a identificar áreas com o maior potencial para fraturas que ocorrem naturalmente, e pode ajudar às operadoras a identificar os melhores lugares para poços produtivos.

A ION tem sucesso comprovado em reservatórios pouco permeáveis de gás e é o líder no mercado em imageamento com múltiplos componentes e full wave. Temos executado empreendimentos desse tipo de reservatório em algumas das principais regiões não convencionais em todo o mundo, incluindo Xinchang, China, Argélia, nos E.U.A. e as Montanhas Rochosas Canadenses.

  • Tecnologias de aquisição avançadas - O imageamento das fraturas requer um levantamento 3D com wide azimute, bem amostrado e com receptores multicomponentes. Os sistemas de aquisição e sensors digitais da INOVA, parceira da ION, software de comando e controle Connex, controladores VNAV e Source (de fonte) são ideais para esta aplicação.
  • Líder em Imageamento full-wave - O grupo GX Technology é um líder no processamento full wave. Durante mais de uma década, nossa equipe tem entregue imagens de alta resolução do subsolo que estão permitindo operadoras de exploração e produção proporem melhores alvos de poços nos pontos idôneos de reservatórios e melhorarem a ROI dos programas de perfuração para desenvolvimento.
  • Perícia comprovada em caracterização de reservatórios - A equipe Reservoir Services (Serviços de Reservatório) da ION, constituída de geocientistas e engenheiros experientes, oferece um amplo leque de soluções de interpretação, desde serviços individuais, tais como inversões simultâneas e mapeamento de fraturas, até interpretações completamente integradas, incluindo seleção de locacões otimizadas de poços.

Arenitos Petrolíferos

Arenitos petrolíferos – formações de petróleo pesado, viscoso e misturadas com areia e água sobre áreas vastas - encontram-se em mais de 70 países, mas a maioria das reservas mundias estão em duas regiões: o Canadá e a Venezuela. Combinadas, elas contêm um estimado volume de 3,6 trilhões de barris de petróleo.

A produção in-situ tipicamente requer a perfuração de poços horizontais em pares, um para bombear vapor para dentro e o outro para extrair betume. A melhor colocação destes pares de poços horizontais fornecem resolução superior às imagens, atingível com um levantamento sísmico 3D, de alta densidade e múltiplos componentes. O imageamento superior também pode reduzir o número de poços estratigráficos verticais com amostragem de núcleos, poços perfurados somente para informação, visando definir a área do recurso. Além disso, os dados sísmicos com múltiplos componentes podem ser aproveitados durante a produção para monitorar o movimento do vapor injetado internamente e em torno do reservatório.

Umas principais operadoras em arenitos petrolíferos têm acudido às equipes de serviços de processamento de dados e reservatórios, GX Technology (GXT), para fornecer as informações que precisam para aumentar a produtividade e reduzir o risco.

  • Técnicas avançadas de imageamento - a GXT oferece um pacote completa de soluções de imageamento anisotrópico, incluindo nossa tecnologia proprietária de análise de velocidade azimutal (AZIM). Caso um levantamento com múltiplos componentes for indicado, nossa equipe especialista em full wave está pronto para ajudá-lo a extrair o máximo do seu investimento em dados.
  • Serviços de Reservatórios - Nossa equipe de Serviços de Reservatório ajuda operadoras em arenitos petrolíferos a determinarem a porosidade e conteúdo de fluidos, e então aplica atributos para ajudar a determinar a estrutura matriz dos arenitos.